Reflexões da Quaresma

Durante toda a Quaresma, Dom Laurence envia suas reflexões diárias para a Comunidade.
Quaresma 2019 >
Quaresma 2018 >
Quaresma 2017 >
Quaresma 2016 >
Quaresma 2015 >
Quaresma 2014 >
Quaresma 2013 >

Séries de Palestras

Encontre um Grupo de Meditacao Crista

Terça-feira da Quarta Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

João 5: 1-16: Levanta-te, toma o teu leito, e anda

O homem curado nesta história reclama que ninguém o ajudava a entrar na piscina mágica quando o anjo agitava as águas. Ele esperou ali trinta e oito anos estéreis: tanto quanto, segundo o Deuteronômio, os israelitas vagaram pelo deserto.

Qual é o simbolismo disto? Existem problemas, bloqueios, inibições, em você, no seu caráter, na sua vida, com que você vive desde sempre? Coisas que você desistiu de superar, mas que ainda fazem com que você se arrependa, reclame ou sinta pena de si mesmo? Por mais que a causa do problema seja história antiga, profundamente soterrada nas primeiras camadas de sua vida, ela está presente, e é sustentada, pelos efeitos da tristeza ou da raiva que produz.

E assim, estamos presos em um duplo movimento de pinça: um trauma histórico e o estresse pós-traumático subsequente. O passado inundou e incapacitou o presente, como quando um vírus de computador invade e retarda as funções operacionais. Estamos mantidos em cativeiro e sentimos que ninguém parece querer ou ser capaz de ajudar.

O espírito não pode tolerar tal situação e tal desperdício. Por menor que seja a chance, mesmo um breve encontro ao lado de uma piscina mágica, ele penetra a pessoa e alveja o problema, e diz “agora vá em frente, e leve junto esta maldita esteira”.


Com amor
Laurence

 


 

Texto original em inglês

Tuesday Forth Week of Lent

John 5:1-16: Rise, take up your mat, and walk

The man healed in this story complains that no one has helped him to get into the magic pool while the angel was stirring the waters. He has been waiting there for thirty-eight barren years: as long, according to Deuteronomy, as the Israelites had wandered in the desert.

What’s the symbolism of that? Are there problems, blocks, hang-ups in yourself, in your character, in your life, that have been with you for as long as you remember? Things that you have given up on ever getting over but which still cause you to regret, complain or feel sorry for yourself? The cause of the problem, however much it is ancient history, set deep in the early layers of your life, is linked to and sustained by the effects of the sadness or anger it has produced.

So, we are held in a double pincer movement: of a historical trauma and ongoing post-traumatic stress. The past has flooded and incapacitated the present, just as a computer virus invades and slows down operational functions. We are held captive and we feel no one seems to want or to be able to help.

The spirit cannot tolerate such a situation and such a waste. Given half a chance, even a brief encounter by a magical pool, it will penetrate the person and target the problem and say ‘now move on and take that damned mat with you’.

 

With love

Laurence

 

Medite por Trinta Minutos

Lembre-se: Sente-se. Sente-se imóvel e, com a coluna ereta. Feche levemente os olhos. Sente-se relaxada(o), mas, atenta(o). Em silêncio, interiormente, comece a repetir uma única palavra. Recomendamos a palavra-oração "Maranatha". Recite-a em quatro silabas de igual duração. Ouça-a à medida que a pronuncia, suavemente mas continuamente. Não pense, nem imagine nada, nem de ordem espiritual, nem de qualquer outra ordem. Pensamentos e imagens provavelmente afluirão, mas, deixe-os passar. Simplesmente, continue a voltar sua atenção, com humildade e simplicidade, à fiel repetição de sua palavra, do início ao fim de sua meditação.