Reflexões da Quaresma

Durante toda a Quaresma, Dom Laurence envia suas reflexões diárias para a Comunidade.
Quaresma 2019 >
Quaresma 2018 >
Quaresma 2017 >
Quaresma 2016 >
Quaresma 2015 >
Quaresma 2014 >
Quaresma 2013 >

Séries de Palestras

Encontre um Grupo de Meditacao Crista

Sexta-feira da Terceira Semana da Quaresma

D. Laurence Freeman

Marcos 12:28-34: e amarás o Senhor teu Deus de todo teu coração, de toda tua alma, de todo teu entendimento, e com toda a tua força. O segundo é este: amarás o teu próximo como a ti mesmo.

Espero que estejam memorizando estes versos do evangelho como sugeri, porque assim agora têm sua memória treinada, e este de hoje, um pouco mais longo, não será problema. É mais longo, mas ainda mais simples que os outros: a resposta dele a ‘Qual o primeiro de todos os mandamentos?’

Por sermos tão bombardeados hoje em dia com mensagens e demandas e nossa atenção ter sido chamada a tantas diferentes direções, gostamos da ideia da simplicidade. Podemos, além disso, querer deixar as grandes decisões que deveríamos tomar por nós mesmos na incumbência de outros, como do governo ou dos médicos ou, ainda que menos frequente nos tempos de hoje por razões óbvias, do clero.

Há uma pletora de cursos e programas no mercado oferendo para nos categorizar e nos prover as habilidades de que precisamos para ter controle de nossas vidas – desde que os compremos (e acreditemos neles). Corporações e governos, desatentamente cientes do quanto estão se saindo perdedores na guerra contra a distração, estão especialmente interessados nessas soluções. A solução espiritual, no entanto, é diferente em vários sentidos: 1. Tem estado disponível há muito tempo e não se reivindica como novidade 2. Não tem fins lucrativos 3. É uma disciplina e não uma técnica 4. É simples e não fácil.

O ensinamento de hoje diz que a coisa mais importante na vida é amar a Deus, seu próximo e você mesmo – igualmente. Você precisará primeiro ter se tornado muito simples para que então alcance isto, mas a tentativa te fará radicalizar-se – no bom sentido. Radicalmente simplificado e sua capacidade de amar totalmente amplificada.

Quaresma e meditação caminham bem juntas (e a meditação vai bem qualquer que seja a estação) por serem ambas sobre a simplicidade e a descoberta de que quando somos simples podemos fazer algo e alcançar infinitamente mais do que estivéssemos tentando conseguir.

Com amor
Laurence

 


 

Texto original em inglês

Friday 3rd Week Lent
Mark 12:28-34: You shall love the Lord your God with all your heart, with all your soul, with all your mind, and with all your strength. The second is this: You shall love your neighbor as yourself.

I hope you have been memorising these gospel verses as I suggested because then you will have trained your memory by now, and this slightly longer one today won’t be a problem. It’s longer but even simpler than the rest: his answer to ‘what is the most important commandment?’

Because we are so bombarded today with messages and demands and our attention is being pulled in many different directions, we like the idea of simplicity. We may also like leaving big decisions that we should take for ourselves to other people like the government or doctors or, though less often today for obvious reasons, to clergy.

There is a plethora of courses and programmes on the market offering to sort us out and give us skills we need to take control of our lives – provided we buy (and believe). Corporations and governments, distractedly aware of how much they are losing the war against distraction, are especially interested in these solutions. A spiritual solution, however, is different in a number of ways: 1. It’s been around a long time and doesn’t claim to be new 2. It is not for financial profit 3. It is a discipline not a technique 4. It is simple not easy.

Today’s teaching says the most important thing in life is to love God, your neighbour and yourself – equally. You will have to have become very simple before you can do this but in the trying you will be radicalised – in the good sense. Radically simplified and our capacity for love fully amplified.

Lent and meditation go nicely together (as meditation does with all the seasons) because they are both about simplicity and discovering that when we are simple we can do one thing and achieve infinitely more than what we may be trying to achieve.

With love

Laurence

 

Medite por Trinta Minutos

Lembre-se: Sente-se. Sente-se imóvel e, com a coluna ereta. Feche levemente os olhos. Sente-se relaxada(o), mas, atenta(o). Em silêncio, interiormente, comece a repetir uma única palavra. Recomendamos a palavra-oração "Maranatha". Recite-a em quatro silabas de igual duração. Ouça-a à medida que a pronuncia, suavemente mas continuamente. Não pense, nem imagine nada, nem de ordem espiritual, nem de qualquer outra ordem. Pensamentos e imagens provavelmente afluirão, mas, deixe-os passar. Simplesmente, continue a voltar sua atenção, com humildade e simplicidade, à fiel repetição de sua palavra, do início ao fim de sua meditação.