Reflexões da Quaresma

Durante toda a Quaresma, Dom Laurence envia suas reflexões diárias para a Comunidade.
Quaresma 2019 >
Quaresma 2018 >
Quaresma 2017 >
Quaresma 2016 >
Quaresma 2015 >
Quaresma 2014 >
Quaresma 2013 >

Séries de Palestras

Encontre um Grupo de Meditacao Crista

Segunda-feira da Semana Santa

D. Laurence Freeman

Nosso retiro da Semana Santa na Ilha de Bere começou ontem. Há aqui pessoas de diversas partes do mundo, inclusive moradores da ilha e da península de Beara, que é uma área de grande beleza natural, ao mesmo tempo suave e acidentada.

Muitos ao redor do mundo também estão participando pela internet. Nos dias de hoje, a distância está praticamente vencida pela tecnologia. Há diferença, claro, entre presença física e virtual, mas é presença de qualquer maneira. O que realmente importa é a atenção. Uma pessoa fisicamente presente pode estar ausente se cochilar durante uma palestra e um ouvinte do outro lado do mundo pode estar totalmente presente se estiver ouvindo com atenção.

O tempo é mais difícil de vencer. Podemos acelerar o decurso da viagem, mas não podemos estar fisicamente em dois lugares ao mesmo tempo. O tempo que leva para ir de um lugar a outro revela um inevitável aspecto básico da existência humana. Ser humano é ser limitado. Somente na dimensão espiritual estamos inteiramente aqui e agora.

Adentramos o espiritual através do poder da simples atenção transcendendo as limitações do ego. Para nós, durante estes dias, a história da paixão, morte e ressurreição do Senhor é o portal para este domínio. O poder da atenção é a chave que o abre. No espírito, o poder de todas as limitações é suspenso. "Onde o espírito está, há liberdade". Certos estados mentais podem imitar essa liberdade de espírito. Muitas pessoas desejam a liberdade desses estados e usam meios artificiais para induzi-los. Mas, por estes meios, as limitações de espaço e tempo são enfraquecidas ou dobradas, não transcendidas. O caminho para o espiritual respeita as leis da natureza.

Quando a dimensão espiritual se abre para nós - em nós - ela lança uma nova luz sobre os mundos do espaço e do tempo em cujas limitações ainda vivemos. Continuamos humanos - limitados - mas as limitações não impedem a abertura total do nosso ser ao divino. Tornamo-nos divinamente humanos.

Os mistérios da Páscoa são semelhantes aos que o mundo antigo chamava rituais de iniciação. A transformação final ainda está por vir. Mas aqui e agora - se não cochilarmos, se tirarmos a atenção de nossas limitações e o sofrimento que causam - iniciamos o processo e provamos o vinho novo que Jesus bebe conosco no Reino.

O primeiro passo é entrar na história e deixá-la trabalhar em nós. A meditação nos ajuda a ouvi-la, mas também nos abre para o ilimitado domínio do espírito, que é o significado e o propósito da história.

 



Texto original em inglês

Monday Holy Week
By Laurence Freeman, OSB 

 

Our Holy Week retreat began on Bere Island yesterday. There are people here from different parts of the world as well as locals from the island and the Beara Peninsula which is an area of great natural beauty, both gentle and rugged.

Many around the world will also be participating by internet. To a great degree today space has been conquered by technology. There’s a difference of course between virtual and physical presence, but presence it is either way. What really matters is attention. A person physically present can be absent because they doze through a talk and a listener from the other side of the world can be fully present because they are listening with full attention.

Time is more difficult to conquer. We can speed up the process of travel but we cannot physically be in two places at once. The time it takes to pass between them reveals an inescapable aspect of basic human existence. To be human is to be limited. Only in the spiritual dimension are we fully here and now.

We enter the spiritual through the power of pure attention transcending the ego’s limitations. For us, during these days, the story of the Passion, death and Resurrection of the Lord is the portal to this realm. The power of attention is the key that opens it. In the spirit, the power of all limitations is lifted. ‘Where the spirit is there is liberty’. Certain mental states can mimic this freedom of the spirit. Many people crave for the freedom of these states and use artificial means to induce them. But by these means the limitations of space and time are weakened or bent, not transcended. The way to the spiritual respects the laws of nature.

When the spiritual dimension opens to us – in us – it throws a new light onto the worlds of space and time in whose limitations we still live. We remain human – limited – but the limitations do not prevent the full aperture of our being to the divine. We become divinely human.

The Easter mysteries are like what the ancient world called initiation rituals. The ultimate transformation is yet to come. But here and now – if we don’t doze off, if we take the attention off our limitations and the suffering they cause – we begin the process and taste the new wine that Jesus drinks with us in the Kingdom.

The first step is to enter the story and let it work on us. Meditation helps us to listen to it but also opens us to the unlimited realm of the spirit which is the meaning and purpose of the story.

 

Medite por Trinta Minutos

Lembre-se: Sente-se. Sente-se imóvel e, com a coluna ereta. Feche levemente os olhos. Sente-se relaxada(o), mas, atenta(o). Em silêncio, interiormente, comece a repetir uma única palavra. Recomendamos a palavra-oração "Maranatha". Recite-a em quatro silabas de igual duração. Ouça-a à medida que a pronuncia, suavemente mas continuamente. Não pense, nem imagine nada, nem de ordem espiritual, nem de qualquer outra ordem. Pensamentos e imagens provavelmente afluirão, mas, deixe-os passar. Simplesmente, continue a voltar sua atenção, com humildade e simplicidade, à fiel repetição de sua palavra, do início ao fim de sua meditação.